Leonardo Valle

A Defensoria Pública do Rio de Janeiro disponibilizou online a cartilha “Pessoas refugiadas e solicitantes de refúgio no Brasil”. A publicação foi elaborada pelo Núcleo de Defesa dos Direitos Humanos da Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro (Nudedh) e é destinada a refugiados ou imigrantes que vivem no estado ou procuram abrigo em outras localidades do país. Além da versão em português, o guia possui tradução para o francês.

Segundo a Nudedh, apesar de não haver dados oficiais, estima-se que cinco mil pessoas nessas condições se encontram na região, que abrigou, principalmente nos últimos anos, congolenses, haitianos, venezuelanos e árabes.

A cartilha explica os documentos necessários que a pessoa refugiada ou imigrante precisa requerer para viver no país, a legislação referente à essa condição e seus direitos nos campos do trabalho, educação, habitação, saúde, alimentação, casamento civil e acesso à justiça. Além disso, também explica princípios de respeito às diferenças, igualdade de gênero e a tipificação de racismo como crime.

Veja mais:
Quatro em cada cinco refugiados permanecem em países próximos aos seus locais de origem
Publicação trata sobre refugiados perseguidos por orientação sexual
Guia orienta imigrantes e servidores sobre sistemas disponíveis em São Paulo

Crédito da imagem: reprodução Facebook Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

wpDiscuz

Talvez Você Também Goste

Notícias

Publicação trata sobre refugiados perseguidos por orientação sexual

Material esclarece as necessidades específicas de proteção e indica instituições no Brasil que oferecem apoio

há 1 ano
Notícias

Como a tecnologia pode beneficiar os direitos humanos?

Pesquisador Enrique Piracés destaca experiências mundiais e vê no código aberto esperança para o futuro

há 2 meses
Notícias

Documentário retrata articulação de mulheres indígenas em defesa de seus povos

Filme celebra 10 anos da Declaração das Nações Unidas sobre os Direitos dos Povos Indígenas

há 11 meses
Notícias

Cartilha online discute direitos humanos e juventude

Educação inclusiva, sexualidade, saúde e profissionalização são alguns dos temas presentes na publicação

há 11 meses

Receba NossasNovidades