Leonardo Valle

A ONG feminista Think Olga lançou a série Olga Explica, que reúne oito vídeos que visam esclarecer direitos das mulheres pouco conhecidos ou divulgados. Já foram ao ar seis episódios com duração de aproximadamente um minuto e que abordam temas como: solicitação de laqueadura no Sistema Único de Saúde (SUS), medidas de proteção em caso de violência doméstica, desconto de pensão na folha de pagamento do pai, reprodução assistida pelo SUS, aborto legal e boletim de ocorrência (BO) em casos de estupro.

Segundo a fundadora da Think Olga, Juliana de Farias, a série funciona como uma ferramenta de educação acessível e gratuita. “Nós, mulheres, temos muitos direitos conquistados, mas, não raro, ficam em um nível de ‘juridiquês’ que torna complicado entender o que podemos realmente fazer”, justifica. “Por isso, entendemos que é importante não apenas divulgar esses direitos, mas fazer isso de uma forma de fácil entendimento. Elaborar vídeos que qualquer pessoa possa entender, da menina de 14 anos à senhora de 80. É um conteúdo para circular e empoderar todas as mulheres”, destaca.

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

wpDiscuz

Talvez Você Também Goste

Notícias

Acesso à informação é dificuldade para mulher que busca direito ao aborto legal, aponta relatório

Procedimento é autorizado em casos de estupro, risco de morte e anencefalia fetal

há 6 meses
Notícias

Sororidade: mulheres contam como o conceito transformou suas vidas

Ideia de competição é substituída por princípios de irmandade e ajuda mútua

há 2 anos
Notícias

Guia traz dicas de segurança para mulheres que viajam sozinhas para outros países

Pesquisa revela que 17% das latino-americanas sentem medo e insegurança em viagens do tipo

há 3 meses
Notícias

Documentário retrata articulação de mulheres indígenas em defesa de seus povos

Filme celebra 10 anos da Declaração das Nações Unidas sobre os Direitos dos Povos Indígenas

há 2 anos

Receba NossasNovidades