O Museu Cais do Sertão é um ícone, representante da cultura sertaneja, e relembra a vida e a obra de Luiz Gonzaga. O espaço, em Recife (PE), é entrecortado por uma representação do Rio São Francisco, criando sete territórios temáticos: Viver, Trabalhar, Ocupar, Cantar, Criar, Crer e Migrar. Cada ambiente remete aos principais aspectos do dia a dia do sertanejo.
 
O visitante também pode participar de um jogo interativo guiado por Tom Zé; explorar o painel digital com fotografias e fichas técnicas de desenhos, pinturas e esculturas feitas por artistas do sertão; e ainda participar do karaokê, estúdio de gravação e oficina de instrumentos do espaço de experimentação da música nordestina, no 1º andar.
 
As visitações acontecem até o dia 1 de dezembro de 2016. Terças, Quartas, Quintas e Sextas, das 9h às 17h. Sábados e Domingos, das 13h às 17h. As quintas, a entrada é gratuita. Nos demais dias, o valor é de R$ 10 e R$ 5 (meia)
 
O Cais do Sertão  está localizado na Avenida Alfredo Lisboa, s/n Recife, Centro de Recife (PE). Outras informações pelo telefone (81) 3089-2974.
 
É possível, ainda, conhecer o Cais do Sertão e o Paço do Frevo juntos. Ao adquirir o ingresso para um espaço, o visitante ganha um ticket que dá 50% de desconto no acesso ao outro museu. A promoção não é acumulativa e só pode ser utilizada no mesmo dia da visita.
 
Com informações do Catraca Livre
 
Veja mais:
 

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

wpDiscuz

Talvez Você Também Goste

Notícias

7 livros sobre uso de tecnologias na educação

Conheça publicações que abordam diferentes possibilidades de uso pedagógico das TICs

há 22 horas
Notícias

Cartilha reúne propostas para engajar jovens na luta pela educação

Documento aponta formas de escuta, consultas e fortalecimento de organizações juvenis na escola

há 3 dias
Notícias

E-book gratuito reúne histórias de escolas que implantaram inovações

Publicação apresenta relatos de instituições que participam do programa Escolas Transformadoras

há 5 dias
Notícias

Dica de português: Você sabia que é errado usar a expressão “comentar sobre”?

Conheça por que não se deve utilizar, nessa situação, a preposição após o verbo

há 5 dias

Receba NossasNovidades