Em 2012, deparei-me com um grande desafio: mobilizar toda a comunidade do Fundamental I do Colégio I. L. Peretz no desenvolvimento de um projeto interdisciplinar utilizando ferramentas computacionais com uma ação educativa específica: trabalhar a transformação pela conscientização ambiental. Surgiu o Projeto Pilhas e Baterias. Os alunos de 5° ano saíram a campo pesquisando por toda a escola. Qual a pergunta? “Como você descarta pilhas e baterias? Joga no lixo comum ou num coletor?” A etapa seguinte foi tratar os dados levantados no Excel, construindo gráficos e tabelas datadas. Posteriormente, cada sala foi assistindo vídeos previamente selecionados sobre o tema. Após o filme, foram feitas “rodas de discussão”, com registro no Word, espelhados no telão. Conhecimentos, informações, muitas discussões, …

Chegou a hora de colocar em prática todo o aprendizado. Os quintos anos pesquisaram imagens na Internet que pudessem representar o projeto. Uma delas foi eleita “símbolo”, sendo ampliada, impressa e colada no “papa-pilhas” que foi, então, colocado no saguão da escola. Utilizando ferramentas de programas de que já possuíam conhecimento prévio, cada ano criou um produto: 1° ano: Registro das “rodas de discussão”, com a professora sendo a escriba, confecção de um livro com as ilustrações capturadas dos vídeos assistidos. A capa de cada 1° ano foi feita coletivamente; 2° ano: Desenho feito no PAINT, com dizeres alertando sobre a importância do descarte correto das pilhas e baterias; 3° ano: Criação de “frases de efeito” visando impactar o leitor e fazê-lo pensar melhor antes de descartar as pilhas e baterias.

Utilizaram o Publisher para criar faixas alusivas; 4° e 5° anos: Criação de folheto informativo. Utilizaram como ferramenta o Publisher. O que não poderia deixar de ser feito para coroar e fechar este grande projeto refletiu-se no resultado e impacto constatado ao seu final, com a realização de nova pesquisa, feita pelos mesmos alunos do 5° ano, que saíram a campo para realizar a mesma pergunta feita no início do projeto. Os dados foram comparados à situação inicial, constatou-se que a comunidade mudou sua postura, procurando fazer o descarte correto. Durante 2012 o “papa-pilhas” sempre esteve cheio! E hoje? Ele continua sendo “alimentado” diariamente! 2013 chegou … Temática da Água. Mas isso é outra história!

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

wpDiscuz

Receba NossasNovidades