A noite de 12 de junho foi de premiação no México, com a cerimônia de entrega do prêmio Carlos Slim em Saúde. A iniciativa é realizada todos os anos e reconhece organizações e pessoas que se dedicam às pesquisas de soluções para questões relacionadas à saúde da população que vive na América Latina.

Na ocasião, foram entregues os prêmios das categorias “Instituição Destaque” – que seleciona instituições sem fins lucrativos, públicas e privadas, com sede na América Latina – e “Carreira em Pesquisa” – que reconhece pesquisadores que se dedicaram a buscar soluções em saúde.

A premiação acontece desde 2007 e já contemplou pesquisadores e organizações de países como Argentina, Colômbia, Bolívia, Costa Rica, Guatemala, Haiti, Honduras, México, Peru, El Salvador, além do Brasil, em 2010 e 2013.

Conheça os vencedores de 2019:

Categoria Instituição Destaque: Instituto Comemorativo Gorgas de Estudos da Saúde – organização criada há 90 anos para homenagear o Doutor William Gorgas, responsável pela erradicação da febre amarela no Panamá.

Em sua atuação, o instituto se dedica a investigar enfermidades tropicais, incluindo doenças transmissíveis e não transmissíveis. Além disso, é um laboratório de referência nacional, que oferece serviços de diagnóstico, e um centro de formação e capacitação científica na região.

Entrega do prêmio ao responsável pelo Instituto Gorgas


Categoria Carreira em Pesquisa:
premiou duas pessoas:

Adolfo Martínez Palomo, nascido no México, é doutor em ciências médicas e dedicado ao estudo da biologia de células neoplásticas do sistema circulatório do coração e da relação hóspede-parasita na amebíase, na giardíase e na oncocercose. Já escreveu cinco livros sobre amebíase e mais de 150 artigos científicos. É membro de comitês da Organização Mundial da Saúde, da Academia de Ciências dos Estados Unidos e da Fundação Rockfeller.

Dr. Adolfo Martínez Palomo durante a entrega do prêmio


Juan Ángel Rivera Dommarco
, também do México, é doutor em nutrição internacional, com especialização em epidemiologia. Conhecido nacional e internacionalmente, escreveu cerca de 400 artigos científicos voltados à área de saúde pública e nutrição. Foi editor de 56 livros e tem uma trajetória de prestígio no Instituto Nacional de Saúde Pública em Cuernavaca, Morelos, do qual é diretor-geral atualmente.

Dr. Juan Ángel Rivera Dommarco recebendo o prêmio

 

Além do troféu, os contemplados receberam uma quantia de US$ 100 mil como reconhecimento pelo trabalho realizado. Para saber mais, acesse o site do prêmio Carlos Slim em Saúde 2019.

Leia também:

Estão abertas as inscrições para o prêmio Carlos Slim em Saúde
Prêmio Carlos Slim em Saúde contribui para a pesquisa da doença de Chagas

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

wpDiscuz

Talvez Você Também Goste

Notícias

Alunos do programa Dupla Escola vencem o “Hackathon Escola Inovadora”

“Fiquei emocionado ao ver meus alunos conquistando o primeiro prêmio do evento”, comenta professor

há 6 dias
Notícias

Claro Brasil realiza atividades sobre sustentabilidade para celebrar mês do meio ambiente

Programação conta com palestras e oficinas sobre cuidado ambiental

há 2 semanas
Notícias

Cálculo da pegada ecológica: faça o teste e saiba qual é seu impacto no meio ambiente

Junte-se à Claro Brasil e reflita sobre a importância de adquirir hábitos mais sustentáveis

há 2 semanas
Notícias

Jovens desenvolvem app que aproxima voluntários e instituições

Projeto foi o vencedor da categoria Smart Cities na 7ª edição do programa Campus Mobile

há 2 semanas

Receba NossasNovidades